terça-feira, 6 de novembro de 2012

Que pressa


Vou ser rápido, com certeza você está com pressa. Todos nós estamos.
Já reparou como não temos mais paciência pra esperar os outros. Pra esperar na fila. Pra esperar.
Não temos paciência de esperar uma mensagem, mandamos e queremos resposta imediatamente, por isso as autoescolas estão ensinando seus alunos a dirigir e mandar mensagem ao mesmo tempo.
Hoje em dia ninguém consegue ficar só parado, tem que estar parado fazendo alguma coisa. “Emagreça dormindo”, “aprenda inglês enquanto está numa fila”, “case enquanto está no transito”. Não temos tempo a perder.
O ditado não é mais: “a pressa é inimiga da perfeição”, era inimiga, agora elas se acertaram, tão se dando bem, foram até vistas juntas tomando uma cerveja.
Estamos arrumando diversas maneiras de acelerar as coisas, não escrevemos mais palavras inteiras, beleza é: blz, tudo bem: tdb, com certeza: crtz, até pra xingar estamos economizando letras, não é mais: filho da puta, é: FDP.
Nos banheiros, a luz liga sozinha, a agua sai só de você aproximar a mão da torneira, não precisamos nem esfregar as mãos, o sabonete já vem em espuma. Estou vendo o dia em que você vai terminar sua necessidade e vai aparecer uma mão de algum lugar pra limpar pra você.
O mundo gira. E esta girando tão rápido que estamos ficando tontos.
O problema é que indo nessa velocidade perdemos muita coisa, então quando finalmente paramos para respirar é que nos damos conta do tanto de coisa que passou desapercebida enquanto estávamos correndo. Então damos uma resmungada, algo como, “caramba como a vida passa rápido”, então alguém nos avisa que a fila andou.

- Como vai?
- Correndo e você.
- Correndo também.
Ambos olham para o relógio, ou para o celular.
- Vou indo, tenho que correr.
- Eu também.

Ps:. Agora você deve estar pensando, perdi meu tempo lendo esse texto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário